Saúde mental da primeira infância: Hospital de Guimarães apoia educadoras da pré-escola

"A primeira infância, período da conceção até aos 6 anos de vida, é um período crucial no desenvolvimento físico, social, cognitivo emocional da criança." Partindo desta ideia base, o Hospital da Senhora da Oliveira Guimarães (HSOG), através da equipa de saúde mental infantojuvenil, e o Município de Guimarães decidiram avançar com o projeto “Primeira Infância e saúde mental”.

Assim, começaram já a realizar-se reuniões bimensais com as educadoras da pré-escola, "para sensibilização de fatores de risco e vivências adversas que prejudicam o desenvolvimento das crianças, alertando também para sinais precoces de patologia neurodesenvolvimental e psiquiátrica nestas idades".  



De acordo com a unidade hospitalar, o objetivo passa por facilitar a "discussão de estratégias na gestão de comportamentos desajustados e promover competências sociais, de literacia e bem-estar psicológico".

Articulação com instituições da cidade

A iniciativa surge no seguimento de uma "proveitosa parceria" que já existe há algum tempo entre as duas entidades. Uma articulação que já permitiu nos últimos anos o desenvolvimento de "várias iniciativas para a promoção da saúde mental e sensibilização da comunidade para várias problemáticas que interferem no desenvolvimento global das crianças e jovens".

Esta "constante articulação" da equipa de saúde mental infantojuvenil com o Município, mas também com outras instituições da cidade é sublinhada pelo HSOG:

"Tem trabalhado em conjunto com outras áreas. É o caso da justiça, educação e segurança social, com o objetivo de "uma maior prevenção e literacia na identificação de diferentes patologias psiquiátricas e neurodesenvolvimentais na população infanto-juvenil".  
 

 

seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir


II Jornadas Multidisciplinares de Medicina Geral e Familiar