Prémio Nacional de Saúde 2018 atribuído ao neurologista José Castro Lopes

O presidente da Sociedade Portuguesa do Acidente Vascular Cerebral, o médico José Castro Lopes, é o vencedor do Prémio Nacional de Saúde de 2018. O anúncio foi hoje feito pela Direção-Geral da Saúde, que, "além da excelência do seu percurso profissional, clínico e académico", destaca "o seu contributo para a obtenção de ganhos em saúde na área da doença vascular cerebral".

É também referida a sua "incessante atividade de difusão de princípios e terapias, com resultados na redução da morbilidade e mortalidade desta patologia tão grave e significativa em termos de saúde pública".



O Prémio Nacional de Saúde do Ministério da Saúde português, visa distinguir, anualmente, "pela relevância e excelência no âmbito das Ciências da Saúde, nos seus aspetos de promoção, prevenção e prestação de cuidados de saúde, uma personalidade que tenha contribuído, inequivocamente, para a obtenção de ganhos em saúde ou para o prestígio das organizações de saúde no âmbito do Serviço Nacional de Saúde".

O Júri de Atribuição do Prémio Nacional de Saúde, presidido por Walter Friederich Alfred Osswald, integra os bastonários das ordens profissionais dos médicos, enfermeiros, farmacêuticos, médicos dentistas, psicólogos, biólogos, nutricionistas, e os diretores do Instituto de Higiene e Medicina Tropical e da Escola Nacional de Saúde Pública.

seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir