CHMT é a primeira entidade do SNS a certificar uma Unidade de Hospitalização Domiciliária

A Unidade de Hospitalização Domiciliária (UHD) do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) recebeu, dia 13 de dezembro, a certificação pela norma ISO 9001:2015. Uma distinção que ocorre precisamente dias antes da Unidade celebrar o seu primeiro ano de existência, a 19 de dezembro.

O processo de certificação iniciado em maio deste ano terminou neste mês de dezembro e torna o CHMT "na primeira entidade Hospitalar do país a certificar uma Unidade de Hospitalização Domiciliária".

O âmbito da certificação, que terá revisão anual, incidiu sobre a admissão e transferência de doentes para a UHD e Internamento na UHD, recordando o CHMT que os objetivos do processo passaram por "estabelecer critérios de qualidade e satisfação de clientes internos e externos definindo todos os procedimentos da Unidade", mas não só.

Pretende-se também "implementar medidas de melhoria contínua dos processos, tendo em consideração os objetivos e indicadores monitorizados, e realizar benchmarking e atualizar os procedimentos de forma a garantir os melhores resultados".


De acordo com o Centro Hospitalar, as vantagens deste processo de certificação são várias e transversais a diversas áreas. São referidas, nomeadamente, a uniformização de procedimentos e a reflexão sistemática da equipa multidisciplinar sobre os resultados obtidos, mas também a "procura de soluções de forma a garantir a melhoria contínua dos processos", o que melhorou "a relação com outros Departamentos do CHMT (Logística, Farmácia Patologia Clinica)".

Este projeto do CHMT resultou do trabalho em equipa entre a Unidade de Hospitalização Domiciliária e o Serviço de Gestão da Qualidade e junta esta nova certificação a um grupo de outros Serviços Assistenciais do CHMT, como são exemplo o Serviço de  Pneumologia, a Unidade de Diabetes e Obesidade e a Rede de água do Serviço de Instalações e Equipamentos, todos certificados durante o ano de 2018.

O facto de serem já vários os Serviços certificados leva o CHMT a destacar o facto da Instituição contar com uma equipa de 65 auditores internos e de ser "uma das principais do Serviço Nacional de Saúde com maior número de Serviços Assistenciais certificados". E, igualmente relevante, tem conseguido mantido essas certificações, "após as revisões anuais dos respetivos processos de Certificação".

seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir